Vídeo mostra criminoso atirando na cabeça de PM durante assalto

COMPARTILHE
Por: Array / G1  Data: 26/01/2019 às 09:45
Fonte de Imagem: Reprodução/Câmera de segurança

Soldado reagiu a roubo de moto e baleou 2 assaltantes, detidos pela PM quarta

Vídeo gravado por câmera de segurança gravou o momento que um criminoso atira na cabeça de um policial militar de folga que reagiu a uma tentativa de assalto na Zona Leste de São Paulo (veja acima). O crime ocorreu na noite de quarta-feira (23) na Rua Engenheiro Guilherme Cristiano Frend, em Aricanduva.

Na quinta-feira (24) o soldado Rafael Bruzadin Rezende, de 34 anos, foi operado no Hospital Santa Marcelina, em Itaquera. Nesta sexta-feira (25) ele continuava internado em estado gravíssimo, segundo informou a assessoria de imprensa do hospital.

Na troca de tiros, o agente baleou dois criminosos, que depois foram presos pela Polícia Militar (PM). As imagens mostram o momento em que Rafael, que estava numa moto Kawasaki Z650, foi abordado por dois homens, que ocupavam uma motocicleta Honda CG.

O policial estava sem o uniforme da corporação porque tinha acabado de sair do trabalho, na 1ª Companhia do 38º Batalhão da PM. Ele voltava de moto para casa quando a dupla anunciou o assalto.

Os bandidos queriam roubar a Kawasaki. Em seguida, o agente reagiu atirando na direção dos bandidos com a pistola .40 da corporação.

Um dos ladrões, Douglas da Silva Oliveira, de 18 anos, estava armado com um revólver calibre 32. Ele também disparou contra o policial, mas, segundo o boletim de ocorrência do caso, registrado como tentativa de latrocínio (que é o roubo seguido de morte) no 69º Distrito Policial (DP), Teotônio Vilela, não há informação se o agente foi baleado nesse tiroteio.

Criminosos baleados
Douglas, porém, foi atingido na barriga por um tiro dado por Rafael e caiu na rua, perto das motos. O comparsa dele, um adolescente de 16 anos, que antes pilotava a moto Honda, também foi atingido por um disparo feito pelo policial. Mas mesmo ferido na perna ele conseguiu fugir a pé.

Em seguida, o policial pegou o celular, se sentou na calçada e pediu socorro. Nesse instante, Douglas se levantou e atirou na cabeça de Rafael, fugindo em seguida na moto que havia usado para cometer o roubo com o comparsa.

A perícia da Polícia Técnico-Científica dirá se o policial foi morto com o revólver calibre 32 dos criminosos ou com sua própria pistola .40.

Outros policiais militares foram acionados por testemunhas para atender a ocorrência e detiveram, a cerca de 100 metros do local do crime, Douglas, que estava com a arma do agente, e o adolescente. Segundo a Polícia Militar, os dois confessaram a tentativa de roubo.

Douglas foi levado ferido na barriga para o Hospital Sapopemba, onde foi operado e permanecia internado até a publicação desta matéria. Somente após receber alta médica é que ele poderá ser ouvido pela polícia.

O adolescente infrator apreendido também chegou a ser socorrido ao mesmo hospital, onde foi atendido e liberado. Não há informações se ele foi encaminhado a uma das unidades da Fundação Casa para cumprir medidas socioeducativas pela infração.