Vereador do PT pode ser cassado por invadir igreja

COMPARTILHE
Por: Gospel Prime  Data: 08/02/2022 às 13:54
Fonte de Imagem: Twitter

Um vereador do PT chamado Renato Freitas, que protagonizou a invasão de uma Igreja Católica, pode ser cassado. O vereador de Curitiba liderou a invasão durante uma missa, quando participava de manifestações da esquerda pelos assassinatos de Moïse Mugenyi e Durval Teófilo Filho.

Juntamente com militantes de esquerda, com bandeiras do PT e do PCB, eles entraram à força no templo e começaram a gritar palavras ofensivas contra os fiéis, que rotularam de “racistas” e “fascistas”.

Além das críticas da sociedade, a atitude também gerou pedidos de cassação do mandato do vereador da esquerda radical. Criticas foram feitas inclusive de pessoas ligadas à esquerda, que não concordaram com a invasão do templo.

Até mesmo o presidente Jair Bolsonaro se manifestou sobre o episódio. Por meio das redes sociais, ele afirmou que o ato representa a “verdadeira face de ódio” por parte da esquerda.

De acordo com a legislação brasileira, missas e cultos religiosos não podem ser impedidos, tumultuados ou vilipendiados, sob pena de detenção e multa.