Socorristas do Samu fazem parto dentro de ambulância em avenida movimentada da capital

COMPARTILHE !!
Por: Ascom Sesau  Data: 23/01/2023 às 19:20
Imagem: Reprodução/Instagram

Os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) realizaram, nesta segunda-feira (23), o parto de mais uma criança, enquanto faziam o translado da mãe para a Maternidade Santo Antônio, em Maceió. O procedimento ocorreu em plena Rota do Mar, avenida que liga os bairros Benedito Bentes e Guaxuma, na capital alagoana.

A mãe da criança, de apenas 24 anos, e grávida de 39 semanas, foi atendida inicialmente em casa, ainda no Benedito Bentes, mas, a caminho da unidade de saúde, começou a apresentar sintomas do trabalho de parto. “Imaginávamos que daria tempo de chegar à Maternidade Santo Antônio, porque a gestante não relatava dores comuns do trabalho de parto, nem teve nenhum tipo de sangramento ou rompimento da bolsa amniótica”, relatou a socorrista do Samu, Rosemary Gonçalves.

Diante do novo quadro clínico apresentado pela gestante, onde os músculos do abdome estavam fazendo as contrações, os socorristas decidiram parar a viatura para realizar o parto, uma vez que não havia mais tempo para prosseguir com o traslado até a  maternidade.

Estacionados na Avenida Rota do Mar, a pequena Daphne veio ao mundo sem nenhuma complicação, segundo a também socorrista do Samu, Cícera Santos. “Foi um dos partos mais fáceis que já vi na vida. A gente até brincou que a criança praticamente nasceu sozinha, com todos os sinais vitais normais e sem nenhuma complicação”, relatou.

Depois de todos os protocolos de parto realizados com a ambulância parada na Rota do Mar, a mãe e a recém-nascida foram encaminhadas à Maternidade Santo Antônio, para receberem os exames e procedimentos pós-parto.

Na equipe do Samu Alagoas, também estava o condutor socorrista Jessé Santos, que, com a viatura parada e, em segurança, conseguiu registrar as imagens do parto.

Quando acionar o Samu
O Samu Alagoas funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana, e pode ser acionado através de ligação gratuita pelo número 192. Além de atender casos obstétricos, o serviço atua em ocorrências com vítimas de acidentes de trânsito, quedas da própria altura, ferimentos por armas branca e de fogo, quedas de altura, afogamentos e queimaduras.

O serviço também pode ser acionado para atender casos de Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), Acidente Vascular Cerebral (AVC) e ainda Covid-19 com quadros suspeitos ou confirmados. Por meio do 192 também é possível solicitar assistência para pacientes em surto psiquiátrico.