Socorristas do Samu fazem parto dentro da ambulância

COMPARTILHE !!
Por: Ascom Sesau  Data: 15/11/2022 às 05:56
Imagem: Sesau

Socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Alagoas realizaram um parto dentro da ambulância, no último sábado, dia 12. Uma gestante de 26 anos, entrou em trabalho de parto enquanto era conduzida do Conjunto Oiticica, no bairro do Benedito Bentes, à maternidade Nossa Senhora da Guia, no Centro. O atendimento contou ainda com o apoio de uma Unidade de Suporte Avançado (USA-UTI Móvel).

A técnica de enfermagem e socorrista do Samu Carolina Santiago disse que a gestante foi encontrada em trabalho de parto avançado, mas sem coroamento da criança, porém, o processo expulsivo do bebê iniciou quando era encaminhada à maternidade.

“Era o fim do plantão do sábado (12), quando a equipe de socorristas foi acionada às 18h20 para a última ocorrência do dia, que era uma gestante com dores abdominais, em provável trabalho de parto. Coloquei o kit de parto ao meu lado, sabendo que a qualquer momento poderia nascer, e foi exatamente o que aconteceu. No meio do caminho, a bolsa amniótica estourou e começou o período expulsivo do parto, quando a barriga fica rígida e mais baixa, e a criança finalmente estava coroando”, explicou Carolina Santiago.

De acordo com Carolina Santiago, a mãe foi orientada a se posicionar para facilitar o nascimento e, foi neste momento, que a equipe de socorristas percebeu que o cordão umbilical estava enrolado de uma forma que dificultaria o parto, mesmo com as fortes pressões de expulsão. “Realizei as manobras e auxiliei para livrar a menina do cordão para que pudesse sair. Fiz o clampeamento do cordão umbilical, mas a criança não estava apresentando todos os sinais normais que deveria. Então, prontamente solicitei apoio de uma USA-UTI Móvel para que o atendimento pudesse ser efetivo e que a criança pudesse ser salva”, relembrou Carolina.

Enquanto a USA se deslocava para encontrar a viatura com a paciente, a equipe seguia realizando procedimentos para estimular a criança, para que pudesse apresentar sinais vitais normais. Apesar do quadro estabilizado antes mesmo da chegada da equipe médica avançada, foi necessária a utilização da USA para que a pequena Eduarda e sua mãe fossem para a maternidade.

“Foi muito importante o trabalho realizado pela equipe da USB que fez o atendimento inicial. Sem esse atendimento, provavelmente a criança teria ido a óbito. O deslocamento pós-parto para a maternidade foi muito tranquilo e o restante dos procedimentos foram realizados sem nenhum problema”, ressaltou a também enfermeira e socorrista Janaína Alves, que integrou a equipe do Samu.

Quando acionar a Samu
O Samu Alagoas funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana, e pode ser acionado gratuitamente pelo número 192. Além de atender pacientes em trabalho de parto, o serviço atua em ocorrências com vítimas de acidentes de trânsito, quedas da própria altura, ferimentos por arma branca e por arma de fogo, quedas de altura, afogamentos e queimaduras.

O serviço também pode ser acionado para atender casos de Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), Acidente Vascular Cerebral (AVC) e Covid-19 com quadros suspeitos ou confirmados. Por meio do telefone 192 também é possível solicitar assistência para pacientes em surto psiquiátrico.