Professora alagoana em SC cria perfis em redes sociais para divulgar trabalho de escritores nordestinos

COMPARTILHE
Por: AlagoasWeb  Data: 25/08/2020 às 12:21
Fonte de Imagem: Reprodução

A professora alagoana, Raqueline da Silva Santos, natural de São Miguel dos Campos, atualmente morando em Blumenau, Santa Catarina, vem buscando meios para contribuir com a cultura nordestina e para isso, criou perfis em redes sociais para divulgar o trabalho de seus conterrâneos.

“Morar em um lugar urbano ou rural nos permite criar uma identidade com as condições culturais, sociais e econômicas do lugar, a gente passa a ter uma relação muito forte com o espaço que vivenciamos”, diz.

Para Raqueline, ter uma identidade com o lugar em que se vive é importante, “quando saímos de nosso lugar, de nossa realidade e nos deparamos com outros territórios, povos e culturas é um estranhamento muito grande”, coloca.

A professora lembra que esse ‘estranhamento’ é causado pelo medo de não conseguir se adaptar, pelo medo de não criar relações com o novo lugar, “isso acontece quando migramos de uma região para outra, como é o caso da autora de nosso primeiro texto no AlagoasWeb”, pontua.

Com base na identidade que tinha com meu lugar (São Miguel dos Campos), e o estranhamento com outro lugar que passou a morar, ela decidiu reafirmar, com muita frequência, a região a que pertence, Nordeste.

“Durante boa parte de minha vida, vivi em Alagoas, no interior, em São Miguel dos Campos. Nos meus 24 anos fui morar em Aracaju, cidade de São Cristóvão para realizar meu Mestrado em Geografia. Em 2014 migrei para Santa Catarina para a cidade de Blumenau, para trabalhar e atualmente 2020, estou estudando doutorado”, conta a professora.

Com base nessa realidade, ela lembra que se fez a seguinte pergunta: ‘o que eu sei sobre minha região?’. “Percebi que sabia pouco diante da imensidão do Nordeste”, completou.

Raqueline lembra que sabia de suas praias, dos diversos sotaques, suas riquezas naturais, suas riquezas agrícolas, sua alta desigualdade, no entanto, algo a inquietava, “eu queria saber mais, queria saber quem são as pessoas que escrevem sobre o Nordeste, as pessoas que poetizam essa região, que vão além dela e nos ensinam a partir do nosso território compreender outras espaços e outras realidades, mas que acima de tudo, nos ensinam que nossa casa é nosso maior tesouro”.

Assim, em maio de 2020, ela teve a brilhante ideia de criar páginas nas redes sociais Instagram e Facebook@escrevenordeste. “Esse projeto então nasce no Sul, em uma época de pandemia, que fala mais de onde vim do que de onde estou, neste momento”, destaca a professora.

Mesmo longe de casa, mas com o coração batendo muito forte por essa imensidão do Brasil, que ela denomina de Região Nordeste, Raqueline encerra destacando o objetivo de escrever sobre sua terra natal, “é compreender o Nordeste a partir da escrita de autores e autoras nordestinos (as) de diversas áreas: economia, literatura, geografia, história, artes, música, etc. Desta forma o projeto tem ganhado vida, desde maio, falando toda semana de autores e autoras de nossa tão querida região”, finaliza.

Movida pela ideia de difundir o conhecimento, a professora Raqueline da Silva convida-nos para embarcar neste projeto e conhecer o Blog EscreveNordeste, que passa, a partir de hoje, integra o AlagoasWeb.