Prefeito de Maribondo é preso por crime de homicídio em São Miguel dos Campos

COMPARTILHE
Por: Array / AlagoasWeb  Data: 20/12/2019 às 20:15
Fonte de Imagem: AlagoasWeb/Reprodução

Político foi flagrado armado no momento da prisão; 1kg de cocaína foi encontrado em sua casa

O delegado João Marcello, titular da 6ª Delegacia Regional de São Miguel dos Campos, confirmou, a reportagem do AlagoasWeb, na noite desta sexta-feira, dia 20, a prisão do prefeito de Maribondo, Leopoldo César Amorim Pedrosa.

De acordo com o delegado, o político foi preso em bar na cidade de Arapiraca, com apoio do também delegado Gustavo Xavier e do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial – TIGRE.

Pedrosa está sendo acusado em um crime de homicídio ocorrido em 2015, em São Miguel dos Campos, que teve como vítima o corretor de imóveis Gerson Gomes Vieira, cujo corpo foi encontrado na zona rural do município.

Reveja: Trabalhadores rurais encontram cadáver em avançado estado de putrefação. A morte teria como motivação o não pagamento, por parte do acusado, de verbas de corretagem.

Ainda segundo João Marcello, a prisão foi determinada pela Justiça e, no momento que foi detido, Leopoldo Pedrosa, como é apenas conhecido, estava armado com uma pistola. O calibre da arma ainda não foi informado.

Durante o cumprido do mandado de busca e apreensão, na residência do acusado, em uma fazenda na zona rural de Maribondo, a Polícia Civil apreendeu 1kg de cocaína pura, avaliada em cerca de R$ 50 mil, além de vasto cadastro de eleitores, o que será investigado em outro inquérito policial.

O político foi conduzido a Central de Flagrantes da Polícia Civil em Arapiraca, onde estão sendo realizados os procedimentos.

Leia também

Corpo encontrado em São Miguel dos Campos pode ser de corretor desaparecido

Pedrosa já responde a Justiça por outro crime, reveja: Prefeito de Maribondo se torna réu por crime de lesão corporal