Prefeito afastado de Rio Largo é preso pela Polícia Federal

COMPARTILHE
Por: AlagoasWeb  Data: 22/08/2022 às 09:06
Fonte de Imagem: Reprodução

A Polícia Federal (PF) prendeu, nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (22), o prefeito afastado do município de Rio Largo, Gilberto Gonçalves (PP). O político estava sendo investigado por suposta participação em um esquema de desvios de dinheiro público federal.

Gonçalves foi afastado da prefeitura por um período de 3 meses, via determinação da Justiça Federal depois da Operação Beco da Pecúnia, reveja: PF deflagra operação e cumpre mandados em Rio Largo, Messias, Paripueira, São Sebastião e Palmeira dos Índios

Hoje, a PF cumpriu ordens judiciais de sequestro de bens móveis e imóveis para garantir o futuro ressarcimento aos cofres públicos no valor de R$ 12 milhões. Goncalves está sendo investigado, ainda, por lavagem de dinheiro e organização criminosa com a utilização de recursos do Fundeb e do Sistema Único de Saúde (SUS).

O político foi preso em sua residência, ele foi levado para sede da PF no bairro do Jaraguá, em Maceió.

Veja também

‘Empresário’ que recebeu R$ 13,8 mi de verbas federais em Rio Largo morava na periferia de SP