PC prende quadrilha do RN que aplicava golpe do ‘chupa cabra’ em agências bancárias de Alagoas

COMPARTILHE !!
Por: Ascom PC-AL  Data: 12/11/2022 às 10:08
Imagem: PC-AL

A Polícia Civil de Alagoas, após trabalho realizado pela Gerência de Inteligência Policial (Ginpol), coordenada pelo delegado Thales Araújo, prendeu nesta quinta-feira (10) três homens e uma mulher que aplicavam golpes com “chupa-cabra”, equipamento usado para violar caixas eletrônicos de agências bancárias, em Maceió.

Para praticar o crime, os golpistas inserem o aparelho nos caixas que prende os cartões da vítima para ser utilizado em transações. A quadrilha era do Rio Grande do Norte e confessou à polícia que estava na capital alagoana para dar aplicar o golpe contra clientes das agências.

O delegado Sidney Tenório, da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), que também atua no caso, informou que o fato foi informado à polícia pelo gerente de uma agência de Maceió. A partir de investigações da equipe de inteligência da Polícia Civil, descobriu-se que a quadrilha estava hospedada em uma pousada no bairro da Pajuçara, onde os integrantes foram localizados. Em interrogatórios, os suspeitos confessaram o crime.

O delegado Sidney Tenório disse que a PC/AL vem investigando golpes similares aplicados contra clientes da Caixa Econômica Federal. Ele informou que há vítimas que tiveram prejuízo de até R$ 60 mil.

Para aplicar os golpes, os criminosos conseguem o equipamento e encaixam o cartão da vítima (que fica preso dentro do caixa eletrônico). A vítima entra em contato com o número que eles colocam no próprio caixa e quando a vítima liga já é alguém da quadrilha que atende.

A polícia explica que a vítima é direcionada por telefone por alguém da quadrilha que se passa por um funcionário da agência – que solicita a senha do cartão – e, enquanto o cartão está preso, outro integrante da quadrilha realiza transações, empréstimos e saques.