Pastor evangélico que a matou a esposa em São Paulo a 19 anos é preso em Maceió

COMPARTILHE
Por: Array / AlagoasWeb  Data: 15/01/2020 às 09:05
Fonte de Imagem: AlagoasWeb/Arquivo

A Divisão Especial de Investigação e Captura (DEIC), da Polícia Civil de Alagoas, prendeu nesta quarta-feira, dia 15, no bairro do Trapiche, em Maceió, um pastor evangélico acusado de matar a esposa no estado de São Paulo.

O assassino, de 48 anos, mas de identidade preserva (por força da Lei de Abuso de Autoridade), matou a esposa, Ângela Maria Cristina Felício, no dia 23 de dezembro de 2000, portanto a mais de 19 anos.

De acordo com delegado Fabio Costa, da DEIC, o homem possuía mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça paulista por crime de feminicídio, “mediante investigações com informações do mandado, localizamos e prendemos o acusado”, esclareceu do delegado a reportagem do AlagoasWeb.

Ainda segundo a polícia, em Alagoas o homem atuava como pastor evangélico. Ele será encaminhado a um presidio da capital, onde fica sob custodia até ser transferido para São Paulo.

Ângela Maria Cristina deixou, a época da morte, um filho pequeno.