Paratletas de Alagoas conquistam dois pódios na Corrida Internacional de São Silvestre

COMPARTILHE !!
Por: Assessoria  Data: 01/01/2023 às 19:04
Imagem: Divulgação

Com a conquista do primeiro e segundo lugar, respectivamente, os paratletas Carlos Antônio Guedes, o “Carlinhos”, e Givaldo Augusto dos Santos levaram o nome de Alagoas ao pódio na modalidade Atletas Cadeirantes da 97ª Corrida Internacional de São Silvestre, que ocorreu neste sábado (31), em São Paulo. Carlinhos venceu a prova de 15km registrando o tempo de 54min17. Na segunda colocação, Givaldo fez o tempo de 01h06min22. A participação dos paratletas de alto rendimento na competição foi viabilizada com apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh).

O resultado deixou a dupla emocionada. Carlinhos já tinha se destacado na São Silvestre do ano passado, quando ficou em segundo lugar. Desta vez, subiu no lugar mais alto do pódio. “Foi uma maravilha ter vencido a São Silvestre. Fiquei com um sentimento de dever cumprido, de que tudo é possível quando acreditamos nos nossos sonhos. Só alegria e muita felicidade viver esse momento. Muitas pessoas queriam estar aqui, mas não puderam. Mas Deus nos deu essa oportunidade de representar o nosso estado de Alagoas”, afirmou ao deixar seu nome na história de uma das competições mais tradicionais da América Latina.

Givaldo também fez bonito melhorando o resultado, já que na edição anterior tinha ficado com a quinta colocação entre os cadeirantes. Eles, inclusive, fizeram toda preparação para prova treinando forte na parte alta de Maceió e viajando com alguns dias de antecedência para melhorar a aclimatação para prova. “Fiquei com o sentimento de ter alcançado o objetivo e esse resultado ao qual vim buscar aqui é o melhor possível. É um sentimento de dever cumprido, de representar o nosso estado, Alagoas”, destacou elogiando também o apoio da Adefal.

Afinal, a dupla Carlinhos e Givaldo faz parte do projeto paralímpico da Associação dos Deficientes Físicos de Alagoas e vem conquistado grandes resultados país afora, representando o Estado no paratletismo com cadeira de rodas. Além de competições regionais, eles já participaram de corridas nos cenários nacional e internacional, como nas maratonas de Salvador-BA, João Pessoa-PB e, na tradicional São Silvestre.

Os dois paratletas iniciaram tarde sua trajetória esportiva. Carlinhos, que tem 37 anos, conheceu o paratletismo em 2007, após sofrer um acidente e amputar uma das pernas.  Inicialmente, sua carreira começou com o basquete em cadeira de rodas, para depois migrar para o paratletismo. Givaldo Augusto tem 45 anos e iniciou sua trajetória há apenas cinco anos. “Meu primeiro contato com o esporte foi em 2017, quando corri pela primeira vez no Circuito Caixa, na Praça Multieventos. Fiquei em 5º lugar, correndo com a minha cadeira do dia a dia”, relembrou.

Os paratletas desembarcam no Aeroporto Zumbi dos Palmares na madrugada do dia 1º de janeiro com as medalhas de campeão e vice campeão da corrida internacional, na modalidade Atleta Cadeirante.