Os 10 carros populares mais vendidos do Brasil em 2021

COMPARTILHE
Por: Fenabrave  Data: 11/12/2021 às 16:20
Fonte de Imagem: Divulgação/Fiat

O conceito de carro popular mudou muito com o tempo. Antigamente, era bem fácil definir quais eram os modelos realmente considerados acessíveis no mercado, por uma série de fatores. Mas, com a evolução natural do mercado e a instabilidade econômica no Brasil, essa realidade se transformou drasticamente.

Hoje, o carro mais barato do Brasil é o Fiat Mobi em sua versão Like, que sai pela bagatela de R$ 40.215. Um carro bem simples, com o básico do básico no pacote de equipamentos, mas que te leva do ponto A ao ponto B com relativo conforto e bom consumo de combustível.

E em um mercado que, hoje, é dominado pelos SUVs, os valentes carrinhos populares de entrada sobrevivem e proporcionam a uma grande parcela da população a chance de conquistar seu automóvel 0km.

Veja abaixo quais foram os carros populares mais vendidos de 2021. Levaremos em conta a lista oficial da Fenabrave (Federação Nacional Distribuição Veículos Automotores), com o acumulado até o mês de novembro.

10. Hyundai HB20S

Com 22.692 emplacamentos, o HB20S, versão sedã do hatch da Hyundai, está atualmente na 20ª posição no ranking nacional da Fenabrave. Com bom pacote de equipamentos desde a versão mais básica, esse automóvel é uma boa opção para famílias e motoristas de aplicativo, já que conta com ótimo espaço interno e motor relativamente econômico.

Hyundai HB20S é sucesso no Brasil desde seu lançamento (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

O Hyundai HB20S pode ser comprado por preços que vão de R$ 75.090 a R$ 89.790 nos valores-base.

9. Fiat Cronos

Demorou um pouco, mas o Fiat Cronos chegou ao Top 20 geral e entre os 10 mais vendidos entre os carros populares. O Sedã do Argo é um automóvel muito bem pensado e conta com ótimo espaço interno e acabamento superior para sua categoria. Ele pode ser encontrado em versões com motor 1.3 de 109cv e, em 2022, deve receber o propulsor 1.0 firefly e o 1.0 GSE que equipa o Fiat Pulse.

Design e acabamento do Fiat Cronos fazem a diferença na categoria (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Atualmente, ele está na 19ª posição no ranking da Fenabrave, com 22.692 emplacamentos, e pode ser encontrado com preços entre R$ 75.990 e R$ 81.490 nos valores-base.

8. Volkswagen Voyage

Após mais uma rodada de aumentos por parte da Volkswagen, o Voyage, que já chegou a ser o sedã mais vendido do Brasil, hoje amarga uma outra realidade. Mas, mesmo prestes a ser extinto, o carrinho segue com bom número de vendas e é o 18º no geral e 8º entre os populares.

Com todos os opcionais, o Volkswagen Voyage pode ser encontrado por mais de R$ 100 mil (Imagem: Divulgação/Volkswagen)

Equipado com motores 1.0 e 1.6, o sedã do Gol é uma boa opção para motoristas de aplicativo e taxistas, já que é muito resistente e relativamente barato de manter.

Com 24.005 emplacamentos, o VW Voyage pode ser adquirido por preços-base que vão de R$ 79.590 a R$ 92.590.

7. Chevrolet Onix Plus

Um dos automóveis que mais sofreu com a crise dos semicondutores, o Chevrolet Onix Plus ostenta números impressionantes de emplacamentos, com 45.602 e um honroso 11º lugar no ranking geral, ainda surfando no sucesso do seu irmão hatch e de seu antecessor, o Prisma.

O Onix Plus é um dos carros mais bem equipados de sua categoria (Imagem: Matheus Argentoni/Canaltech)

Com ótimo espaço interno e dois motores muito competentes, o 1.0 aspirado e o 1.0 turbo, o Onix Plus é, também, um dos carros mais bem equipados do Brasil quando o assunto é tecnologia, já que, em seus modelos topo de gama, traz itens como Wi-Fi nativo, alerta de ponto cego e assistência de manobras.

O Chevrolet Onix Plus têm preços-base que vão de R$ 76.830 a R$ 99.990.

6. Renault Kwid

Um dos responsáveis pela aposentadoria do VW Up! foi o Renault Kwid. Projeto indiano da Renault, esse subcompacto é o que podemos considerar ideal para locomoção básica, já que entrega bom consumo de combustível e certa agilidade no trânsito.

Famoso na Índia, o Kwid também vai bem aqui no Brasil (Imagem: Divulgação/Renault)

Com 46.143 emplacamentos, ele pode ser encontrado em versões que custam a partir de R$ 48.790 e podem chegar a R$ 60.290.

5. Volkswagen Gol

Também vítima dos aumentos de preço, o Volkswagen Gol já foi, por muito tempo, o carro mais vendido do Brasil ano após ano. Sinônimo de carro popular, esse hatch hoje está bem longe de ser considerado um modelo acessível, já que custa a partir de R$ 68.750 em sua versão 1.0, podendo chegar a mais de R$ 90 mil na 1.6 automática com todos os opcionais.

O Volkswagen Gol é um ótimo carro, mas custa caro demais (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Com 57.899 emplacamentos, ele ocupa hoje o 8º lugar no geral dentro do ranking Fenabrave.

4. Chevrolet Onix

Com a crise dos semicondutores, o Chevrolet Onix teve que ter sua produção interrompida várias vezes em 2021. O resultado disso foi a saída do hatch do pódio dos mais vendidos do Brasil. Mesmo assim, ele conseguiu somar 62.096 unidades emplacadas no ano.

Variante RS do Chevrolet Onix traz uma roupagem diferenciada ao hatch (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

O Onix pode ser encontrado em versões com dois tipos de motores, os mesmos presentes no Onix Plus: o 1.0 aspirado e o 1.0 turbo. Além disso, ele também traz muitos equipamentos tecnológicos em suas variantes mais caras.

O Chevrolet Onix Plus pode ser adquirido por preços que vão de R$ 70.590 a R$ 95.050.

3. Fiat Mobi

Também lançado para competir com o VW UP!, o Mobi rapidamente conquistou uma boa parcela dos consumidores brasileiros por trazer um bom conjunto mecânico, o conhecido 1.0 Fire que dominou o Brasil por quase uma década, e também relativo conforto.

O Fiat Mobi é hoje o carro mais barato do Brasil (Imagem: Divulgação/Fiat)

Atualmente, o Mobi tem 63.103 unidades emplacadas e está em 4º lugar no ranking geral da Fenabrave. Sua versão mais barata disponível sai por R$ 47.348, mas na topo de gama, a Trekking, o valor-base é de R$ 62.847.

2. Hyundai HB20

Aproveitando-se dos problemas de seu maior rival, o Chevrolet Onix, o Hyundai HB20 subiu bastante nas vendas e chegou, em dado momento, a liderar o mercado brasileiro. Com bom pacote mecânico e diversas opções disponíveis, o hatch sul-coreano é sucesso absoluto no Brasil.

HB20X é a versão aventureira do hatch coreano (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Atualmente em 2º lugar no ranking da Fenabrave com 78.529 unidades emplacadas, o Hyundai HB20 pode ser encontrado por preços que variam de R$ 67.390 a R$ 100.290 em seus valores-base. Sim, os valores assustam.

1. Fiat Argo

Lançado em 2016, o Fiat Argo veio com a missão de, uma só vez, substituir o Palio, o Punto e o Bravo. Com bom porte e versões que vão desde a equipada com o motor 1.0 firefly até o antiquado 1.8 eTorq, o hatch se aproveitou bem da crise dos semicondutores e, com uma ótima estratégia da Fiat, lidera o mercado nacional com relativa folga — sem contar a Fiat Strada, posicionada como "comercial leve".

Pacote S-Design deixa o Fiat Argo mais elegante (Imagem: Divulgação/Fiat)

Com 80.135 unidades emplacadas, o Argo faz muito sucesso entre motoristas de aplicativo, frotistas e consumidores tradicionais, que aprovam o bom espaço interno, acabamento superior para a categoria e conjunto mecânico confiável.

O Fiat Argo parte de R$ 62.690 e pode chegar aos R$ 101.480.