Mulheres podem melhorar e intensificar orgasmos, veja como

COMPARTILHE
Por: O Globo  Data: 25/04/2022 às 07:42
Fonte de Imagem: PixaBay

Há uma forma de melhorar e intensificar os orgasmos em mulheres, de acordo com estudo recém-publicado na revista científica International Urogynecology Journal. Os pesquisadores da universidade israelense Ben-Gurion, apontam uma melhor circulação no clitóris e melhor função dos músculos do assoalho pélvico como explicações.

O trabalho acompanhou 180 voluntárias que correm de forma amadora, pelo menos uma vez por semana, e que não apresentavam diferenças na função sexual. As mulheres divididas na categoria de esforço alto e de esforço moderado, em relação à atividade física.

No primeiro grupo, elas corriam distâncias superiores a 19 quilômetros por semana. Já no segundo, as participantes percorriam uma distância inferior à marca a cada sete dias. As mulheres no grupo de alto esforço relataram ter orgasmos de maior intensidade em comparação com as do grupo de esforço moderado.

Além disso, uma correlação foi encontrada entre a distância de corrida semanal e a intensidade do orgasmo que elas experimentaram. Que correu distâncias mais longas foram 28% mais propensas a atingir um melhor orgasmo, ou seja, um terço mais intenso.

Os pesquisadores concluiram que “a atividade física de alto esforço pode estar associada à melhora do orgasmo” e que a justificativa pode ser a “melhor circulação do clitóris” e a “melhor função dos músculos do assoalho pélvico”.

A autora principal do estudo, Shanny Sade, disse ao jornal britânico The Sun, que além das explicações descritas na pesquisa, a diferença pode ser devido a uma “melhor autoestima e imagem corporal, ou uma combinação destes (fatores)”.

Inclusive, em casos de disfunção sexual, os médicos podem “aumentar a conscientização sobre as vantagens da atividade física e do treinamento e reabilitação dos músculos do assoalho pélvico, que podem melhorar o tônus e a circulação e, portanto, a função sexual”, acrescentaram os cientistas.