Moradores saquearam igreja e queimaram carro de ‘pastor’ acusado de jogar bebê em bueiro

COMPARTILHE
Por: Gospel Prime  Data: 10/11/2021 às 17:58
Fonte de Imagem: Reprodução/Youtube

Pastor em Caucaia, no Ceará, teria tido um filho em caso extraconjugal

A população de Caucaia, no Ceará, ficou enfurecida com o relato de que um pastor teria tido um bebê em um relacionamento extraconjugal e, supostamente, ocultou o corpo do recém-nascido em um bueiro.

A mãe, Jamile Rolim da Silva, de 20 anos, que teria matado o bebê logo após o parto e pedido ao pastor Antônio Cardoso Cunha, de 36 anos, que se livrasse do cadáver.

O crime só foi desvendado porque Jamile começou a ter dores e procurou atendimento médico. Ao ser examinada, os médicos constataram que ela havia dado à luz recentemente e a interrogaram sobre o bebê.

Ela deu informações a equipe médica que chamou a Polícia e as buscas iniciaram. O corpo do recém-nascido foi encontrado em um bueiro.

Tumulto

Logo, os moradores do bairro Marechal Rondon ficaram indignados e começaram a perseguição contra o pastor, que no caso, seria o pai da criança.

A população incendiou o carro de Cunha e saqueou a igreja que o pastor dirige. O tumulto foi tanto que a Polícia teve que intervir para conter. A mãe da criança e o pastor foram presos.

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil está investigando o caso. Já foi solicitado perícia no corpo do bebê que tinha um pouco mais de 3 kg e Jamile e Cunha foram indiciados por flagrante por homicídio e ocultação de cadáver na última segunda-feira (8), segundo o G1.