Mercado Livre anuncia contratação de 4.000 profissionais no Brasil

COMPARTILHE
Por: Olhar Digital  Data: 04/05/2022 às 15:49
Fonte de Imagem: Reprodução

Dentro do projeto de expansão no Brasil, o Mercado Livre pretende contratar cerca de 4.000 profissionais até o fim deste ano em várias áreas da empresa de logística, principalmente no setor de tecnologia. As oportunidades serão para vários estados e faz parte do plano de crescimento previsto para a América Latina. Ao todo, o Mercado Livre pretende contratar pelo menos 14.000 funcionários em sete países, chegando à marca de 44 mil colaboradores no mundo. Só no Brasil há 16 mil profissionais que atuam diretamente com a empresa. 

Mercado Pago domina investimentos
Segundo a diretora de pessoas do Mercado Livre, Patrícia Monteiro de Araújo, a meta é contratar mais de 33% do atual quadro existente no Brasil, fazendo parte dos investimentos já anunciados para 2022, que preveem a aplicação de R$ 17 bilhões no país.

Desse montante, a maior parte deve ser injetada na fintech do grupo, o Mercado Pago, que passou a aceitar transações em criptomoedas, com os usuários liberados para comprar, vender e manter reservas de criptoativos em carteiras digitais.

Expansão logística
O aumento no número de funcionários é reflexo da expansão logística da gigante do e-commerce, que tem sede na Argentina. 

As contratações visam otimizar ainda mais as entregas, melhorando a experiência dos usuários, aspecto fundamental na fidelização dos clientes. 

Além disso, após registrar aumento de 60% na receita, o varejista anunciou mais quatro centros de distribuição no estado de São Paulo. A ideia é dobrar o potencial de entregas de encomendas feitas pelo site no país.

O Mercado Livre foi fundado em 1999, na cidade de Buenos Aires, capital da Argentina, por Marcos Galperín e Josué Sales.