Justiça converte em preventiva prisão de homem que confessou ter matado Amanda Pereira

COMPARTILHE
Por: TJ/Alagoas  Data: 17/08/2022 às 14:41
Fonte de Imagem: Reprodução

A Justiça de Alagoas converteu a prisão em flagrante de Jackson Vital dos Santos em preventiva, nesta quarta-feira (17). A audiência de custódia do ajudante de pedreiro, que confessou ter matado a motorista de aplicativo Amanda Santos, foi conduzida pelo juiz Ygor Figueirêdo, titular da 14ª Vara Criminal de Maceió.

Segundo o magistrado, revela-se inadequada qualquer medida cautelar diversa da prisão. “A prisão é necessária para garantia da ordem pública, em face da gravidade do crime e para evitar a reiteração criminosa”, afirmou o magistrado.

A prisão de Jackson dos Santos ocorreu nessa terça-feira (16). Matéria referente ao processo n º 0728522-93.2022.8.02.0001