Homem morto a tiros em Teotônio Vilela, tinha passagem pela polícia por assalto em Campo Alegre

COMPARTILHE
Por: Array / AlagoasWeb  Data: 13/10/2019 às 16:35
Fonte de Imagem: Cortesia ao AlagoasWeb

Adriano Santos bebia em bar no Centro da cidade quando foi assassinado

Após levantamentos, a polícia descobriu, ainda no sábado, dia 12, que o homem assassinado no final da tarde no Centro de Teotônio Vilela, tinha passagem pela polícia por assalto em Campo Alegre.

Adriano Santos da Silva, de 26 anos, bebia em um bar quando foi morto as margens da BR 101. Ele foi atingido por disparos de arma de fogo na cabeça. Reveja: Homem é morto a tiros quando bebia em bar no Centro de Teotônio Vilela

Em março de 2016, ele foi preso em Campo Alegre, junto com um comparsa, após uma perseguição policial que contou com a participação do Grupamento de Polícia Militar (GPM) de Campo Alegre e Guarda Civil Municipal (GCM).

A época, a dupla era acusada de cometer assaltos e roubos na cidade de Campo Alegre, Distrito Luziápolis e Povoado Chã da Embira.

A polícia ainda não tem pistas da autoria ou motivação do crime, mas não descarta que a morte tenha ligação com os delitos praticados pela vítima.