Golpe no WhatsApp usa Valores a Receber do Banco Central para enganar pessoas

COMPARTILHE
Por: Oficina da Net  Data: 14/02/2022 às 13:36
Fonte de Imagem: Oficina da Net

Cuidado com mensagens no WhatsApp sobre valores a receber acessando um link do Registrato, sistema criado para fornecer o extrato das informações de uma pessoa sobre dívidas (abertas ou líquidas), abertura de contas bancárias (ativas ou inativas) e remessas de dinheiro no exterior. O autor destas mensagens é um farsante tentando se passar pelo Banco Central do Brasil (BCB) de acordo com o site G1 que entrou em contato com o órgão de controle financeiro do Brasil.

Na mensagem compartilhada no WhatsApp com várias vítimas, é dito:

“Consulte agora se você tem algum valor a receber! Saque instantâneo via PIX, mais de 7 milhões de brasileiros já consultaram e sacaram. Consulte agora.”

Em seguida é fornecido um link que menciona a palavra “registrato” e termina com “E/?/Consultar”. No dia 24 de janeiro de 2022, o Registrato ganhou uma nova ferramenta, o SVR (Sistema Valores a Receber), que permite a consulta de valores que foram esquecidos em seu nome.

Captura de tela de mensagem compartilhada no WhatsApp.
Captura de tela de mensagem compartilhada no WhatsApp.

Banco Central do Brasil (BCB) confirma que a mensagem do WhatsApp é fake (falsa)

A consulta no SVR (Sistema Valores a Receber) do Registrato só pode ser feita através do endereço “valoresareceber.bcb.gov.br“. No dia 27 de janeiro o Banco Central do Brasil (BCB) publicou em nota um alerta para que as pessoas não caiam nos golpes que mencionam o SRV ou Registrato. É dito:

“O BC não entra em contato com os cidadãos. (…) A solicitação de resgate no SVR será feita por meio de usuário e senha e os recursos serão transferidos diretamente das instituições financeiras para os cidadãos, que não devem fazer qualquer depósito prévio a qualquer pessoa ou instituição.”

O que fazer para não cair nos golpes do Registrato ou SVR (Sistema Valores a Receber)?

Para que você não caia nos golpes do Registrato ou SVR (Sistema Valores a Receber) no WhatsApp, se atente para os seguintes pontos:

  • Lembre-se que o único site para consulta e solicitação desses valores é aqui (valoresareceber.bcb.gov.br).
  • O Banco Central NÃO envia links NEM entra em contato com você para tratar sobre valores a receber ou para confirmar seus dados pessoais.
  • NINGUÉM está autorizado a entrar em contato com você em nome do Banco Central ou do Sistema Valores a Receber.
  • Portanto, NUNCA clique em links suspeitos enviados por e-mail, SMS, WhatsApp ou Telegram.
  • NÃO faça qualquer tipo de pagamento para ter acesso aos valores. É golpe!
  • Muito importante: apenas depois que você acessar o sistema (ou se já o acessou nos dias 24 e 25/01) e somente no caso de pedir o resgate sem indicar uma chave Pix, a instituição financeira que VOCÊ escolheu entrará em contato para realizar a transferência. Atenção: mesmo nesse caso específico, essa instituição NÃO pode pedir que você informe seus dados pessoais NEM sua senha.