Fiscalização da ANP autua postos e distribuidoras de combustíveis em Atalaia, Maceió e Murici

COMPARTILHE
Por: Com Sindicombustiveis AL  Data: 26/02/2022 às 08:01
Fonte de Imagem: Reprodução

Uma fiscalização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) encontrou irregularidades em cinco postos de combustíveis e duas distribuidoras em Alagoas. Os proprietários foram autuados. O resultado da fiscalização foi divulgado nesta sexta-feira (11).

Ao todo, 14 estabelecimentos foram fiscalizados nas cidades de Atalaia, Maceió e Murici.

Em Atalaia, os fiscais encontraram um bico abastecedor interditado por apresentar bomba medidora com aferição irregular.

Em Murici, um posto revendedor foi autuado por não identificar em uma bomba abastecedora de combustível, de forma destacada, visível e de fácil identificação para o consumidor, o nome do combustível comercializado. No local também não havia exibição dos preços de todos os combustíveis comercializados bem como as formas de pagamento de maneira visível ao consumidor.

Já em Maceió, uma distribuidora de GLP foi autuada por comercializar recipiente com vazamentos. Uma outra distribuidora de GLP foi autuada pela mesma razão, e também por não ter uma balança decimal em funcionamento, aprovada e verificada pelo Inmetro, para verificação do peso do vasilhame pelo consumidor.

Um posto de combustível na capital foi autuado e teve dois dispensers de GNV interditados por comercializar o produto com pressão máxima acima da permitida. Outro posto de combustíveis de Maceió foi autuado por não possuir os equipamentos necessários para análises de combustíveis, procedimento que pode ser solicitado pelos consumidores.

Um terceiro posto foi autuado por não comunicar à ANP a alteração de dados cadastrais em até 30 dias da efetivação do ato. Também não havia indicação nas bombas medidoras o nome fantasia, a razão social e o CNPJ do distribuidor fornecedor do respectivo combustível automotivo.