Defesa Civil Estadual debate plano de ação diante da previsão de chuvas fortes em Alagoas

COMPARTILHE !!
Por: Agência Alagoas  Data: 21/05/2022 às 07:50
Imagem: Agência Alagoas

Representantes de todos os órgãos que integram o Sistema de Defesa Civil Estadual – Secretarias de Estado, IMA, Ibama, Cruz Vermelha, Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, Samu, Forças Armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica) e Coordenadorias Municipais de Defesa Civil – estiveram reunidos, nesta sexta-feira (20), no Salão Aqualtune, no Palácio República dos Palmares, para discutir sobre a previsão de chuvas fortes e trovoadas neste fim de semana em Alagoas.

O coordenador da Defesa Civil Estadual, coronel Moisés Pereira de Melo, ressaltou a importância de todos os órgãos trabalharem unidos para colocarem em prática seus planos de contingência e alertou que as chuvas previstas para este fim de semana podem causar um desastre semelhante ao do ano de 2010, quando várias cidades de Alagoas sofreram com inundações.

“Estaremos todos atentos e a Defesa Civil ficará de prontidão neste final de semana. Nós trabalhamos com todas as possibilidades e podemos ter novamente um desastre nas mesmas proporções dos que ocorreram em 2010 e 2017, aos quais o estado respondeu imediatamente e as famílias atingidas foram atendidas rapidamente”.

O meteorologista Vinícius Pinho, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), fez uma linha do tempo do evento meteorológico que está para ocorrer neste final de semana e destacou que a Sala de Alerta da Semarh vem monitorando, desde a semana passada, as cabeceiras dos rios em Pernambuco, tendo em vista que eles deságuam em Alagoas.

“Já vem acontecendo em alguns pontos do estado. Por exemplo, em Piranhas, já tem alguns pontos acumulados de chuva. Em Penedo e Teotônio Vilela, já caiu um volume acima de 60 mm e estamos registrando volumes significativos, principalmente no Sertão, Agreste e Sul de Alagoas. No sábado passado, a situação já chamava atenção. Mas como era um risco distante, ficamos estudando internamente. Na terça, a gente emitiu o primeiro aviso e repassamos para a Defesa Civil um comunicado interno para ter o planejamento já pronto. Ontem, já mudamos para alerta meteorológico devido à intensidade das chuvas previstas. Chuvas acumuladas deixam o solo instável. São problemas aos quais precisamos ficar atentos”, afirmou.

A Sala de Alerta segue monitorando as condições sinóticas e novas atualizações poderão ser enviadas a qualquer momento e a Semarh manterá contato permanente com a Defesa Civil.

Durante a reunião, representantes dos órgãos que integram o Sistema de Defesa Civil Estadual também falaram sobre a previsão de chuvas intensas em todo o estado neste final de semana. Forças de segurança e resgate foram acionadas para ficarem de prontidão. O Grupamento Aéreo de Alagoas informou que três aeronaves, sendo duas em Maceió e uma em Arapiraca, estão à disposição para realizar resgates.

A Cruz Vermelha também se colocou à disposição e informou que tem salões desocupados que podem ser usados como abrigos. Há também voluntários para ajudar nas demandas.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas também informaram que estão com equipes à disposição.