Cresce casos de pessoas picadas por escorpiões em São Miguel dos Campos

Morador do José Calazans disse que já foi picado oito vezes

COMPARTILHE !!
Por: AlagoasWeb  Data: 28/01/2021 às 15:06
Imagem: Cortesia ao AlagoasWeb
Morador do José Calazans disse que já foi picado oito vezes

O número de acidentes com escorpião vem crescendo em alguns bairros da parte alta e baixa de São Miguel dos Campos. Nos últimos dias, a reportagem do AlagoasWeb vem recebendo informações de várias pessoas que foram picadas pelo inseto.

Moradores dos loteamentos José Calazans, Canto da Saudade, bairro de Fatima e entorno, além dos Helios Jatobá, estão preocupado com o número de aparições e ocorrências envolvendo os insetos nesses locais.

“Apesar da limpeza do ambiente, todos os dias encontramos novos escorpiões, as vezes entrando pelas frestas das portas”, relata uma moradora do Hélio Jatobá.

No José Calazans, um morador disse que já foi picado oito vezes. Especialista da área alertam que o verão é a estação que mais os aracnídeos aparecem, no entanto, os registros de casos de picadas do inseto ocorrem durante todo o ano.

Em contato com o diretor da Vigilância Sanitária do município, Marcio Gustavo, ele disse que a aparição de escorpião neste período do ano se dá devido ser a época de reprodução.

Gustavo fez algumas observações e cuidados a serem considerados para evitar a presença do animal. “Limpeza no quintal, tampar ralos e caixas de gorduras, quando for calçar sapatos sempre observar antes de colocar o pé e não deixar toalha em box de banheiro, são algumas das medidas preventivas”, afirmou.

O diretor lembrou que é importante eliminar restos de material de construção e entulhos e disse que não existe inseticida para matar escorpião e que os cuidados ainda são a melhor prevenção. “Use inseticida para matar batatas e outros insertos, que são alimentos do escorpião, não tendo alimento para ele, consequentemente vão procurar outro lugar”, concluiu.