Comerciante de 45 anos é preso acusado de pedofilia no Pilar

Acusado vinha mantendo conversas pornográficas com criança de nove anos

COMPARTILHE
Por: Ascom PC/AL  Data: 22/07/2020 às 16:23
Fonte de Imagem: AlagoasWeb/Imagem de arquivo
Acusado vinha mantendo conversas pornográficas com criança de nove anos

Policiais civis da cidade do Pilar prenderam, no início da tarde desta quarta-feira (22), um comerciante de 45 anos acusado de praticar crime de pedofilia. As investigações revelam que o homem vinha mantendo conversas pornográficas com uma menina de apenas nove anos que reside na cidade. A prisão ocorreu na residência do acusado no bairro do Vergel do Lago, em Maceió, quando o homem mandava mensagens para a garota.

As investigações iniciaram, na última sexta-feira, quando a família da menina descobriu que ela vinha mantendo conversas pornográficas com um adulto pelo aplicativo whatsapp. Daí, familiares e policiais começaram a monitorar as conversas entre o acusado e a criança para tentar descobrir de onde ele estava falando.

“Ele enviava vídeos pornográficos dele e de terceiros para a criança, bem como pedia que a mesma enviasse para ele fotos e vídeos íntimos escondidos de seu pai. A criança confirma que mandou pelo menos uma foto sem roupas”, ressaltou o delegado do Pilar, Sidney Tenório.

A primeira comunicação entre o comerciante e a vítima iniciou pelo aplicativo instagram através de um perfil “fake” de um garoto e depois passou para o whatsapp, quando começaram as conversas pornográficas.

“Fica o alerta para os pais para que evitem ou controlem o uso de certos aplicativos por seus filhos. Neste caso, por pouco a menina não passa por um perigo real, já que as conversas avançavam para a marcação de um encontro”, frisou o delegado.