Carro roubado cai de viaduto e deixa quatro mortos e um ferido em PE

COMPARTILHE !!
Por: JC Online  Data: 11/12/2022 às 09:29
Imagem: JC Online

Quatro homens morreram e um ficou ferido em um sinistro de trânsito que aconteceu por volta das 3h da madrugada do sábado, dia 10, nos Torrões, na Zona Oeste do Recife.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recebeu um chamado para atender o caso por volta das 4h da manhã no quilômetro 69,9 da BR-101. Ao chegar no local, encontrou um carro que havia caído do viaduto.

“Constatamos que o veículo saiu de pista logo quando vinha da Avenida Recife, provavelmente em alta velocidade, e colidiu com a mureta de proteção da própria rodovia, capotou e desceu a ribanceira”, disse o inspetor Frederico França, da PRF.

Pouco antes, o veículo havia sido perseguido pelo Batalhão de Polícia de Trânsito da Polícia Militar de Pernambuco (BPTran), que ao “considerá-lo suspeito”, segundo a corporação, deu ordem de parada e este não atendeu. Então, empreendeu fuga.

Contudo, os PMs perderam o carro de vista. “Em seguida, a equipe foi informada por populares que havia caído um veículo no viaduto. Ao chegar no local, o Corpo de Bombeiros e o Samu já estavam na ocorrência e foi confirmado que se tratava do mesmo carro”, disse a PM.

Ao consultar a placa, a PRF verificou que o veículo tinha sido roubado no dia anterior, 9 de dezembro de 2022, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife.

França pontuou que, pelos indícios, o veículo estava em “altíssima velocidade” no momento do sinistro. Todos os cinco ocupantes estavam sem cinto de segurança.

“Ainda é prematuro dizer a velocidade mínima, só sabemos que foi em altíssima velocidade por todos os vestígios deixados no local do acidente, para ocasionar todos os fragmentos e pelas marcas de frenagem.”

Além da PRF, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), Instituto de Criminalística (IC) e o Instituto de Medicina Legal (IML) estiveram no local.

Os quatro corpos foram levados pelo IML e ainda não foram reconhecidos. A Polícia Civil vai investigar o caso.

A informação repassada é de que o ferido foi arremessado para fora do veículo na hora do acidente e socorrido por populares. Inicialmente, ele foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Torrões, e depois para o Hospital da Restauração (HR).

Não se sabe se o sobrevivente estava com ferimentos leves ou graves, tampouco o estado de saúde atualizado dele.

O carro, que está completamente destruído, foi rebocado do local do sinistro na manhã deste sábado (10).