As cirurgias plásticas mais feitas no Brasil

COMPARTILHE
Por: Agências  Data: 05/07/2022 às 10:22
Fonte de Imagem: Reprodução

No Brasil, a cirurgia plástica mais comum é a lipoaspiração, segundo o último levantamento da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps, em inglês). Os dados foram coletados em 2020 e o resultado coloca o país em segundo lugar no ranking global de procedimentos estéticos. Em primeiro lugar, estão os Estados Unidos.

Apesar da ideia de que os procedimentos são procurados apenas por mulheres, o cenário começa a mudar entre os brasileiros, segundo Alexandre Munhoz, cirurgião plástico do Hospital Sírio-Libanês. Atualmente, o público masculino representa 25% em seus atendimentos. “Há 15 anos, esse número não chegava a 5%. Eles estão procurando cirurgia para melhorar a parte estética. Estamos vivendo mais e esses homens estão vendo os sinais de envelhecimento”, explica para o G1.

Quais são as cirurgias plásticas mais feitas no Brasil?

A seguir, confira a lista de quais cirurgias plásticas foram mais comuns entre os brasileiros no ano de 2020, em ordem decrescente:

  1. Lipoaspiração: 173,4 mil procedimentos;
  2. Aumento de mama: 172,4 mil procedimentos;
  3. Cirurgia de pálpebra: 143 mil procedimentos;
  4. Abdominoplastia: 112 mil procedimentos;
  5. Lifting de mama: 106 mil procedimentos.

Entre os procedimentos não cirúrgicas, o botox foi o mais comum. Em 2020, foram mais de 334 mil aplicações de toxina botulínica no país. Em seguida, estão as injeções de ácido hialurônico, com 165 mil procedimentos.

Afinal, o que é lipoaspiração?

Segundo a Mayo Clinic, a lipoaspiração é um procedimento cirúrgico que utiliza uma técnica de sucção para remover gordura de áreas específicas do corpo, como abdômen, coxas, quadris, nádegas, braços ou pescoço.

“Como em qualquer cirurgia de grande porte, a lipoaspiração traz riscos, como sangramento e reação à anestesia”, acrescenta a Mayo Clinic, em informativo. Além disso, os pacientes podem enfrentar outros tipos de complicações, como problemas renais e cardíacos ou ainda questões envolvendo a cicatrização.

Procedimentos estéticos em outros países

A seguir, confira quais são os cinco países que mais realizam cirurgias plásticas no mundo, em ordem decrescente:

  1. Estados Unidos: 1,4 milhão de cirurgias;
  2. Brasil: 1,3 milhão cirurgias;
  3. Rússia: 478 mil cirurgias;
  4. México: 456 mil cirurgias;
  5. Alemanha: 425 mil cirurgias.

Vale destacar que, nos anos de 2018 e 2019, o Brasil foi considerado o país que mais realizou cirurgias plásticas no mundo, superando os EUA. Respectivamente, foram 1,498 e 1,493 milhão de procedimentos.

No entanto, o ano de 2020 foi marcado por uma forte queda nos procedimentos, chegando a apenas 1,3 milhão. Entre outros fatores, a situação poder ser explicada pela covid-19, popularização de métodos menos invasivos e crise financeira.