Ano Novo de carro novo! Quais os mais baratos do Brasil?

COMPARTILHE !!
Por: Olhar Digital  Data: 02/01/2023 às 06:04
Imagem: Reprodução

Quem planeja começar o ano novo de carro novo provavelmente vai se perguntar quais são os modelos mais baratos (ou menos caros) da vez no Brasil. Pensando nisso, preparamos uma lista com um ranking dos cinco automóveis e SUVs mais em conta do país, considerando o preço praticado nos últimos sete dias de 2022 pelas montadoras.

Fiat Mobi Trekking
A versão com pegada aventureira do Mobi ficou na quinta posição e sai por R$ 70.990 com o pacote de segurança da Fiat. Ele vem com calotas de 14”, airbag duplo e central de entretenimento com tela de 7” com Android Auto e Apple CarPlay.

Fiat Mobi Trekking.
Imagem: Fiat/Divulgação

Na parte mecânica, temos o antigo motor Fire 1.0 de quatro cilindros e 74 cavalos embaixo do capô, câmbio manual de cinco velocidades e direção hidráulica. Uma configuração um pouco ultrapassada frente aos próximos modelos.

Renault Kwid Intense
O próximo da lista é a variante intermediária do Kwid, que custa R$ 70.540. Entre os diferenciais estão a central multimídia (também com Android Auto e Apple CarPlay), a abertura elétrica do porta-malas, retrovisores elétricos e assistente de partida em rampas, sem contar com o ar-condicionado, vidros dianteiros elétricos e quatro airbags. 

Imagem: Rodolfo Buhrer/La Imagem/Renault

Citroën C3 Live 1.0
A versão de entrada do C3 ficou com a medalha de bronze e sai por R$ 69.990. O modelo conta com motor 1.0 de 75 cavalos, câmbio manual de cinco marchas e vem com calotas de 15”.

Sua lista de equipamentos é mais modesta e inclui itens como ar-condicionado e dois airbags. Diferente de outras versões do carro, não há recursos de conectividade ou sistema de áudio instalado de fábrica.

Imagem: Citroën/Divulgação

Fiat Mobi Like 
Na segunda colocação, temos a versão de entrada do Mobi, que sai por R$ 67.490 e vem com ar-condicionado, vidros elétricos dianteiros, travas elétricas, calotas de 14” e a mesma mecânica do Trekking — que custa R$ 3.500 a mais.

A principal mudança aqui, além do visual, é a ausência do sistema de som pré-instalado. Imagem: Fiat/Divulgação

Renault Kwid Zen
Por fim, a coroa de carro mais barato (ou menos caro) do Brasil ficou com a versão mais básica do Kwid, vendida atualmente por R$ 66.590 pela Renault. 

A principal diferença é o sistema de som mais modesto (ainda assim com Bluetooth). O ajuste dos retrovisores e a abertura do porta-malas também são manuais.

Imagem: Renault/Divulgação

O carro vem equipado com o mesmo motor 1.0 de 71 cv do Intense — que é R$ 3.950 mais caro —, e oferece quatro airbags, ar-condicionado, assistente de partida em rampas e direção elétrica.

SUVs por menos de R$ 100 mil
Também separamos algumas opções para quem está procurando um SUV para iniciar 2023 com um carro novo na garagem. Apesar das muitas alternativas disponíveis no mercado nacional, apenas duas ficam abaixo da faixa dos R$ 100 mil.

Falamos um pouco mais sobre elas abaixo (com uma menção honrosa no final).

Peugeot 2008 Allure 1.6 AT
A versão de entrada do Peugeot 2008 sai por R$ 99.989 e conta com transmissão automática de seis velocidades, motor 1.6 de 120 cavalos e dois airbags.

Mesmo compartilhando o mesmo motor e a plataforma do Citroen  C4 Cactus, sua lista de equipamentos é mais básica da turma. Faltam, por exemplo, o controle de estabilidade e tração e o assistente de partida em rampa. 

SUV Peugeot 2008 Allure 1.6 AT.
Imagem: Peugeot/Divulgação

Fiat Pulse Drive 1.3 MT
Atualmente, o título de SUV menos caro do país fica com a versão mais básica do Fiat Pulse, que custa R$ 96.590 e vem com câmbio manual de cinco velocidades.

O modelo dispensa alguns recursos de assistência de direção e mantém itens como ar-condicionado digital, faróis de LED, piloto automático, sensores de estacionamento traseiros e oferece quatro airbags.

SUV Fiat Pulse Drive 1.3 MT.
Imagem: Fiat/Divulgação

Sua mecânica também é destaque pela economia, com motor 1.3 Firefly de 107 cavalos e 13,7 kgfm de torque. Segundo a Quatro Rodas, essa versão faz 12,8 km/l na cidade e 17,6 km/l na estrada.

Quema estiver a gastar um pouco mais e estourar o limite do orçamento, pode investir no Pulse Drive CVT, que vem equipado com o mesmo motor, mas já oferece câmbio automático por R$ 103.590.

Citroën C4 Cactus Live
Apesar de custar R$ 108.990, também vale a pena mencionar o Citroën C4 Cactus, que traz motor 1.6 de 120 cv, o mesmo do Renault Duster, e câmbio automático de seis marchas.

A lista de equipamentos também é semelhante ao modelo da Renault, que sai por R$ 110.790 na sua versão de entrada, a Intense 1.6 MT. 

SUV Citroën C4 Cactus Live.
Imagem: Citroën/Divulgação

De série, o utilitário da marca francesa vem com central multimídia de 7’’, ar-condicionado digital e piloto automático com limitador de velocidade, câmera de ré e quadro de instrumentos digital.