Alagoas registra o menor índice de homicidios entre os meses de novembro de toda a série histórica

COMPARTILHE !!
Por: Agência Alagoas  Data: 02/12/2022 às 18:58
Imagem: AlagoasWeb/Arq

Os índices de criminalidade em Alagoas seguem caindo e mudando a realidade do Estado que, no passado, era considerado o mais violento do Brasil. Durante entrevista coletiva, na manhã desta sexta-feira (2), o governador Paulo Dantas, ao lado do secretário de Segurança Pública, delegado Flávio Saraiva, apresentou dados de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) referentes ao mês de novembro, registrando uma redução de 20,5% em comparação ao mesmo período em 2021 e uma redução de 42,2% em comparação com 2012, sendo considerada a maior queda de toda a série histórica.

De acordo com os dados apresentados pelo delegado José Carlos, secretário executivo da SSP, foram 89 CVLIs registrados em novembro, representando uma redução de mais de 20%no comparativo com o mesmo mês do ano passado, quando foram registrados 112 casos. Na análise da série histórica, a queda no número foi ainda maior, chegando a 42,2%, quando, em novembro de 2012, o Estado registrou 154 homicídios.

Para o secretário Flávio Saraiva a redução é o reflexo da integração das forças de segurança e da intensificação de ações ostensivas em todo o Estado. “As polícias têm se dedicado ao máximo para coibir os delitos com o reforço no efetivo em especial nos fins de semana, com operações rotineiras focadas nos lugares onde há incidência de delitos, conforme observado na mancha criminal”, afirmou o secretário.

Durante a coletiva, também foram apresentados dados sobre apreensão de drogas e apreensão de armas. Em novembro foram 237,7kg de entorpecentes apreendidos e 139 armas irregulares tiradas de circulação.

Outro dado divulgado foi em relação ao número de roubos a coletivos, com o registro de apenas três casos em novembro de 2022, uma redução de 96,6% em comparação com o mesmo período de 2016, quando foram contabilizados 90 casos na capital.

Segundo o governador Paulo Dantas, esses resultados são fruto dos investimentos que o Governo de Alagoas vem realizando ao longo dos últimos oito anos, seja na realização de concursos para o aumento do efetivo, integração das forças de segurança, equipamentos e ações estratégicas e de inteligência que combatem a criminalidade de forma eficaz.

“Esses dados são reflexo de uma política de investimentos na área da segurança pública, seja nos agentes de segurança, como em equipamentos e nos serviços de inteligência e capacitação, que fazem com que o nosso Estado seja uma referência para o país. Realizamos e vamos realizar mais concursos públicos, estamos construindo novos Centros Integrados de Segurança Pública (Cisps), entre outras ações que estão trazendo resultado”, concluiu.

A coletiva também contou com a participação da secretária do Gabinete Civil, Luiza Barreiros; da secretária de Planejamento e Gestão, Renata Santos; do delegado-geral da Polícia Civil, Gustavo Xavier; e do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Paulo Amorim.