Alagoano de São Miguel dos Campos morre após receber facada no pescoço no interior de PE

Família sofreu acidente de trânsito quando seguida para o IML do Recife

COMPARTILHE
Por: AlagoasWeb  Data: 16/03/2020 às 10:41
Fonte de Imagem: Redes sociais
Família sofreu acidente de trânsito quando seguida para o IML do Recife

O alagoano Gilvan da Silva, de 27 anos, foi morto na madrugada do domingo (15), na cidade de Água Preta, interior de Pernambuco. O trabalhador foi agredido com uma facada no pescoço e morreu antes de receber socorro.

‘Geba’, como era mais conhecido, trabalhava em um parque de diversões e, segundo informações da família, após terminar o expediente saiu para beber com um grupo de amigos, quando aconteceu uma confusão e ele tentou apartar a brisa.

Outras duas pessoas foram feridas, o também alagoano de São Miguel, identificado apenas por Rafael (popular Rafá), agredido por três facadas e socorrido em estado gravíssimo para o hospital de Palmares, e um homem, que sofreu golpes de raspão, recebeu atendimento médico e foi liberado.

O autor do crime não foi identificado de deixou o local antes da chegada da polícia. O corpo do miguelense foi recolhido para o Instituto Medico Legal (IML) de Recife.

Família sofre acidente

Na manhã do domingo, familiares da vítima seguiam para capital pernambucana, quando se envolveram em um acidente de trânsito. Além do pai de ‘Geba’, no carro viajava uma tia, o irmão, uma prima e o motorista do veículo. Não houve registro de feridos graves.

Familiares de Gilvan da Silva permanecem no IML de Recife, aguardando a liberação do corpo. ‘Geba’ deve ser sepultado em São Miguel dos Campos.