Administrador de grupo de WhatsApp é preso por divulgar blitz

COMPARTILHE
Por: Array / AlagoasWeb com informações do TNH1  Data: 14/01/2019 às 13:00
Fonte de Imagem: Ascom PC/AL

Um homem foi preso na manhã desta segunda, dia 14, em Maceió, acusado de divulgar blitz de trânsito através de grupos de WhatsApp. José Marcelo Rodrigues da Silva, de 36 anos, era investigado desde o ano passado pela Polícia Civil pela pratica do crime.

O acusado tinha acabado de tirar fotos de policiais e agentes de trânsito que realizavam uma operação de combate ao transporte clandestino de passageiros com a participação da Polícia Civil, BPtran e SMTT, quando foi flagrado e preso.

De acordo com a polícia, Marcelo cobrava para aceitar membros nos grupos e passar as informações.

O homem foi preso e levado a Divisão Especial de Investigações e Capturas (DEIC), onde durante os procedimentos a polícia encontrou, em seu celular, fotos de casas de agentes de trânsito e de policiais do BPTran.

Marcelo deve responder por atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública, que prevê pena de até cinco anos de reclusão e multa. Ele deve permanecer preso, já que não cabe fiança a esse tipo de crime.