Yoki anuncia fechamento de sua maior unidade e demissão de mil empregados; Frigorífico também fecha fabrica e demite 800 de uma só vez

COMPARTILHE !!
Por: RicMais/BemDito  Data: 12/01/2023 às 09:02
Imagem: Reprodução

A General Mills anunciou o fechamento de sua maior unidade da Yoki no Paraná, localizada na cidade de Cambará, no norte do Estado, por meio de comunicado enviado à imprensa na terça-feira, dia 10. A previsão é que a fábrica seja desativada no final deste ano.

O encerramento das atividades no município de 26 mil habitantes representa o corte de 750 vagas de empregos diretos e cerca de 300 postos de trabalhos indiretos, o que pode impactar cerca de 1 mil famílias na região. A unidade no Norte Pioneiro é a maior da empresa no Paraná e com o fechamento, a operação estadual será concentrada em Paranavaí, Noroeste, na outra fábrica da Yoki, que tem cerca de 200 empregados diretos.

De acordo com a Prefeitura de Cambará, a transferência da unidade para o interior de Minas Gerais, significa uma queda de R$ 6 milhões no orçamento municipal, montante proveniente do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

BIG Boi
Cerca de 800 funcionários foram demitidos na terça-feira, dia 10, após o fechamento de um frigorífico na cidade de Paiçandu, na região de Maringá. De acordo com as informações, o frigorífico, que abatia 500 bois por dia, encerrou suas atividades e demitiu de uma só vez todos os funcionários.

Nesta terça-feira ao chegar para trabalhar, os funcionários foram pegos de surpresa com a notícia. Segundo os diretores da empresa, o frigorífico vinha operando “no vermelho” há mais de sete meses.

A situação estaria ocorrendo por causa das dificuldades para manter os preços competitivos em relação a outros estados. Outras unidades da empresa, fora do Paraná, continuarão operando. De acordo com a direção, espera-se que em breve as atividades possam ser reiniciadas na cidade.