Tesla planeja reduzir os custos e aumentar a autonomia.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A Tesla divulgou sua nova geração de baterias para carros elétricos, que pretendem ser mais vigorosas, ambientais e acessíveis.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A empresa de Elon Musk pretende produzir suas próprias células de bateria, usando materiais mais abundantes e recicláveis, e reduzindo a dependência de fornecedores externos.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

As novas baterias da Tesla terão uma densidade energética 50% maior, uma vida útil 50% maior e um custo 56% menor do que as atuais, segundo a empresa.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

Com isso, a Tesla espera oferecer carros elétricos mais competitivos em relação aos movidos a combustão, e alcançar seu objetivo de lançar um modelo popular por US$ 25 mil.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

Além disso, as novas baterias da Tesla permitirão uma maior autonomia dos veículos, que poderão rodar até 800 km com uma única carga, e uma melhor performances.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A Tesla também anunciou melhorias em seus sistemas de carregamento, que serão mais rápidos e inteligentes, e em seus projetos de veículos.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A expectativa é que as novas baterias da Tesla comecem a ser produzidas em larga escala em 2024, e usadas em todos os modelos da empresa, incluindo o Cybertruck e o Roadster.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

Criação:  Aléxia Silveira

Imagens:  Divulgação

Imagens de celebridades:  Instagram Outras Imagens: Banco de imagens