PRF prende dois homens durante o fim de semana em estradas federais de Alagoas

COMPARTILHE
Por: Array / Ascom PRF/AL  Data: 25/11/2019 às 13:40
Fonte de Imagem: Ascom PRF/AL

Prisões ocorreram entre sábado e domingo, dia 24

Dois homens foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante o fim de semana nas rodovias de Alagoas.

O primeiro caso ocorreu no sábado (23), no km 29 da BR 101, em União dos Palmares, onde um motorista foi flagrado transportando 22 gaiolas contendo pássaros silvestres. No dia seguinte, um homem foi preso por porte ilegal de arma e porte de droga no km 77 da mesma rodovia, Rio Largo.

Na manhã de sábado, uma equipe da PRF abordou o veículo GM Corsa Hatch, cor cinza, com dois ocupantes. Na abordagem os policiais observaram que o passageiro da frente trazia uma gaiola no colo contendo sete Canários Belga. Ao realizar busca no interior do carro, foram encontradas 22 gaiolas, três delas contendo 18 pássaros da mesma espécie, duas com dois pássaros da espécie Azulão e uma comportando três Galos de Campina.

Nenhuma das aves apresentava anilha ou qualquer autorização para o transporte.

Os agentes deram voz de prisão e encaminharam o condutor e os pássaros apreendidos à delegacia de Polícia Civil de São José da Lage para procedimentos cabíveis. Ele deverá responder por crime ambiental.

No domingo, por volta das 19h50, os policiais realizavam fiscalização de rotina em frente a UOP de Rio Largo quando abordaram um caminhão Volvo, de cor preta, que transportava outros veículos.

Durante verificação ao veículo e condutor, os policiais encontraram um revólver calibre 38 (com cinco munições), além de duas cartelas com 26 comprimidos de Nobésio Extraforte (rebite).

A droga, segundo a PRF, é utilizada por motoristas para inibir o sono e prolongar a viagem, desrespeitando a lei do descanso (Lei nº 12.619/12) e aumentando, consequentemente, o risco de acidentes graves.

O homem foi preso e encaminhado à Central de Flagrantes de Maceió para procedimentos. Ele responderá por porte ilegal de arma de fogo e porte de drogas para consumo próprio.