Preço do etanol cai em 25 estados brasileiros

COMPARTILHE
Por: Jornal Contabil  Data: 13/07/2022 às 16:33
Fonte de Imagem: AlagoasWeb/Arquivo

O preço médio do etanol apresentou uma queda de 4,3% na última semana, com redução, o valor cobrado nas bombas chegou a R$ 4,520 por litro, frente aos anteriores R$ 4,723. Os dados são do levantamento da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), que realiza apurações em diversos espalhados por todo território nacional. 

A redução do combustível somente ocorreu no Amapá, entretanto, o preço médio cobrado no estado também não sofreu alta, de modo que se manteve inalterado. Nas demais unidades federativas, já é possível abastecer com etanol em um valor mais barato, em relação à última semana.

No estado de Goiás, foi onde o combustível apresentou a maior queda, tendo uma redução de R$ 7,69%, passando de R$ 4,615 para R$ 4,260, o litro. Contudo, o menor preço é encontrado no Mato Grosso, dado que semana passada, o etanol podia ser encontrado no valor de  R$ 3,630, o litro. Além disso, no comparativo mensal o estado ficou com o maior recuo, sendo de 17,82%.

Quanto ao preço máximo, o maior valor registrado foi no Acre, com etanol a  R$ 7,290, o litro. Em relação ao maior produtor do combustível, no estado de São Paulo, o valor médio do etanol passou de R$ 4,392 para R$ 4,210 o litro, representando uma queda de 4,11%. 

Já é mais vantajoso abastecer com etanol?
Diante dos constantes aumentos no preço da gasolina, muitos condutores já questionam se é mais vantajoso abastecer com etanol, ao invés de optar pelo derivado do petróleo. Sobre esta dúvida, de acordo com a ANP, escolher o álcool, até então, só é vantajoso nos estados de São Paulo e Mato Grosso. 

Isto porque, em ambas os estados, o preço do etanol encontrado nas bombas representa menos de 70% do valor da gasolina. A paridade entre os dois combustíveis em São Paulo ficou em  69,02%, enquanto, no Mato Grosso ela atinge 62,77%.