Policiais são presos suspeitos nas mortes de três irmãos no interior de Alagoas

COMPARTILHE !!
Por: Com PC/AL  Data: 30/04/2022 às 12:02
Imagem: Cortesia internautas

Três policiais militares foram detidos, na quinta-feira (28), suspeitos de autoria de uma chacina (triplo-homicídio), ocorrido na noite do dia 18 de abril de 2021 na Vila São José (antigo Povoado Lagoa do Rancho), Zona Rural do municipio de Arapiraca, Agreste de Alagoas.

Os militares se apresentaram à Polícia Civil acompanhados de advogado, na sede da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), em Maceió, local em que foram cumpridos os mandados de prisão, expedidos pelo juiz Alfredo Mesquita, titular da 5° Vara Criminal de Arapiraca.

Posteriormente foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca, para realização de exame de corpo de delito. Os policiais ficarão detidos na sede do 3º Batalhão da Polícia Militar.

De acordo com o delegado Filipe Caldas, membro da comissão de inquérito, designada em caráter especial, pelo delegado-geral Carlos Reis, para a apuração do caso, juntamente com os delegados Gustavo Xavier e Cayo Rodrigues, as vítimas do crime foram três irmãos identificados como Jefferson Hermínio dos Santos, 26 anos, Diego Francisco de Souza, 14, e Rafael Francisco de Souza, de 16, todos mortos a tiros.

Eles residiam sozinhos uma vez que eram órfãos. Moravam com eles, mais dois irmãos, ainda crianças, e havia outro irmão, maior, que na época dos fatos se encontrava recolhido ao sistema prisional.

O delegado Filipe Caldas disse ainda que, na conclusão do inquérito, os três suspeitos detidos foram indiciados e o caso continua em segredo de Justiça, não podendo dar detalhes sobre as investigações.