Pastor é preso após pacientes de clínica clandestina serem encontrados em cárcere privado

COMPARTILHE !!
Por: Correio 24 Horas  Data: 27/10/2022 às 08:19
Imagem: AlagoasWeb/Arquivo

Um pastor evangélico proprietário do estabelecimento e um funcionário de uma clínica clandestina no município de Mucuri foram presos na terça-feira, dia 25.

Eles são suspeitos de manter 16 pessoas com transtornos mentais e usuários de drogas em situação de cárcere privado. De acordo com o delegado titular da unidade, Samuel Martins Neto, os pacientes foram resgatados.

“Os flagranteados foram autuados por sequestro e cárcere privado praticado mediante internação da vítima em casa de saúde ou hospital”, declarou. Um mandado de busca e apreensão foi cumprido por equipes da Delegacia Territorial de Mucuri e representantes do Ministério Público.

Os internos foram encaminhados para o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), onde receberão atendimento médico. A dupla passou por exames de lesões corporais e permanece à disposição do Poder Judiciário.