Para atrair evangélicos, Lula diz que assistiu cultos na cadeia

COMPARTILHE
Por: Gospel Prime  Data: 29/11/2021 às 20:07
Fonte de Imagem: Reprodução/YouTube

Ex-presidiario também afirmou que visitou papa Francisco

Na tentativa de enganar o eleitorado evangélico, o ex-presidiário Luiz Inácio Lula da Silva (PT), afirmou que assistiu cultos na cadeia quando respondia por crimes, antes de ser livrado por manobra no Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com o Radar, Lula afirmou que passou “boa parte” de seu tempo preso em Curitiba assistindo a cultos e celebrações religiosas, o que teria servido para “nutrir a ideia” de criar uma luta mundial contra a desigualdade.

Ele também tentou acenar aos Católicos, afirmando que quando saiu do cárcere foi visitar o papa Francisco, no Vaticano, e o Conselho Mundial de Igrejas, na Holanda.

“O que nós provamos foi que o Brasil tem jeito, a religião pode ser feita com muita verdade e ninguém precisa utilizar da boa-fé dos outros, porque a fé é uma coisa sagrada”, declarou Lula.

“Tenho fé em Deus que a gente pode consertar esse país, podemos fazer a economia voltar a crescer, voltar a gerar emprego formal, cuidar do meio ambiente. Não podemos perder a fé do povo”, acrescentou.

O interesse pelo público evangélico se deve a seu crescimento, que de acordo com uma pesquisa realizada em 2020 pelo Instituto DataFolha representam cerca de 31% da população brasileira, o que significa algo em torno de 65 milhões de pessoas.