Operação cumpre 20 mandados contra organização criminosa de tráfico de drogas São Miguel, Junqueiro e Teotônio Vilela

COMPARTILHE !!
Por: Ascom PC/AL  Data: 09/11/2022 às 07:46
Imagem: AlagoasWeb/Arq

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) coordenou, nesta quarta-feira (09), uma operação integrada entre as Polícias Civil e Militar, com o objetivo de prender integrantes de uma organização criminosa que atuava no tráfico de drogas.

A ação foi denominada Lado Obscuro e cumpre oito mandados de prisão e 12 de busca e apreensão nas cidades de São Miguel dos Campos, Junqueiro e Teotônio Vilela.

De acordo com as investigações, realizadas pela Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC), em parceria com a 6ª Delegacia Regional de São Miguel dos Campos, da Polícia Civil, e a 1ª Companhia Independente (1ª Cia), da Polícia Militar, a organização criminosa atuava na prática de tráfico de entorpecentes e comércio ilegal de outras substâncias de uso controlado.

A operação ganhou este nome – Lado Obscuro – pelo fato dos integrantes serem indivíduos que não levantavam suspeitas, mas que as investigações feitas comprovaram a prática do comércio ilegal de drogas.

Com base nas provas técnicas produzidas, a DEIC representou os mandados, que foram expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital.

Até o momento, cinco pessoas foram presas no município de São Miguel dos Campos. Uma quantidade de drogas sintéticas, cocaina, além de seringas foi apreendido também.

Efetivo participante
A operação está sob coordenação do delegado João Marcello, titular da Delegacia Regional de São Miguel dos Campos, e pelo major Pereira, comandante da 1ª Cia Independente.

Para o cumprimento dos mandados, foram empregados policiais militares da 1ª Cia e a Polícia Civil empregou policiais do Tigre, DEIC e da 6ª Delegacia Regional de São Miguel dos Campos.

A população é grande parceira das forças de segurança no combate ao crime e pode contribuir com o trabalho a Segurança Pública realizando denúncias sobre homicídios, tráfico de drogas, roubos, organizações criminosas, dentre outros, por meio do Disque Denúncia. As ligações para o 181 são gratuitas e o sigilo é garantido.