Consumidor alagoano já pode consultar se existe linhas pré-pagas em seu nome

COMPARTILHE
Por: Array / AlagoasWeb com informações da EBC  Data: 23/01/2020 às 09:00
Fonte de Imagem: AlagoasWeb/Arquivo

Cancelamento feito pelo usuário deverá ser atendido em 24 horas

Já está disponível para consumidores de Alagoas e outros estados de todo país, a consulta as linhas pré-pagas e verificação da possibilidade de cadastros indevidos em seu nome. Através do CPF, usuários de serviços de telefonia das regiões Nordeste, Norte, Centro-Oeste, Sul e Sudeste, já estão com o serviço disponível

Em parceria com a Anatel, as empresas de telecomunicação brasileiras disponibilizaram um site para que o consumidor verifique a existência de linha pré-paga em seu nome adquiridas por meio de fraudes, fazendo uso do CPF.

Consulte aqui

Disponibilizaram o serviço as operadoras, Algar, Claro, Oi, Sercomtel, TIM e Vivo. O consumidor poderá solicitar o cancelamento da linha, caso tenha sido adquirida de forma fraudulenta. “Hoje no Brasil há cerca de 135 milhões de celulares pré-pagos e, destes, três acessos a cada 1.000 apresentam inconsistências cadastrais”, informou a agência.

O pedido de cancelamento feito pelo consumidor deverá ser atendido em até 24 horas, caso a solicitação seja executada por meio de atendente, e até 48 horas se solicitada automaticamente (no call center ou portal da prestadora, sem a intervenção humana).

A iniciativa do portal visa garantir uma base cadastral do serviço correta e atualizada, a fim de evitar a ocorrência de fraudes de subscrição (linhas associadas indevidamente a CPFs) e, dessa forma, proporcionar mais segurança aos consumidores.”

A Anatel destaca que o serviço não traz informações para quem possui linhas de celular pós-pagas. A página orienta, ainda, o consumidor identificar a existência de linhas cadastradas indevidamente em seu nome. Neste caso, o cliente deverá entrar em contato com a operadora para correção das informações.

Consulte aqui