Como saber se estão mentindo para você?

COMPARTILHE !!
Por: Site de Curiosidades  Data: 21/05/2022 às 12:00
Imagem: Reprodução

Relações são construídas com base em confiança e trocas, de forma geral. Na vida, é impossível saber com certeza o que é verdade e o que não é, quando dito pelas pessoas. O que define em quem confiamos ou não são muitos fatores, mas especialmente o histórico de cada pessoa e a maneira como a percebemos a partir disso. Isto é, se uma pessoa tem o histórico de mentir com frequência, dificilmente vamos confiar naquela pessoa.

Mas e quando não se tem uma informação anterior? Quando você conhece uma pessoa nova, ou se aproxima de alguém que sempre teve por perto, mas nunca teve realmente a chance de conhecer, é como começar uma relação sem nenhum tipo de apoio, de referência. O receio de ser enganado é uma fonte de ansiedade que, muitas vezes, leva as pessoas a evitarem conhecer gente nova.

Mas, afinal de contas, é possível saber se alguém esta mentindo? É difícil simplesmente bater o martelo em relação a isso, porque podemos cometer erros, mas alguns sinais podem ajudar na hora de decidir se você confia ou não em alguém.

Quem mente costuma ter inquietação
Quando uma pessoa mente, naturalmente acontecem reações químicas no corpo. Na maior parte dos casos, a menos se o mentiroso tem alguma condição psicoemocional que o iniba disso, quem mente costuma ter grande inquietação. Dessa forma, o mentiroso evita contato visual, se movimenta intensamente e, frequentemente, ocupa as mãos com algum tipo de toque, seja na roupa, seja num objeto. O mentiroso não consegue relaxar.

O mentiroso não mantém contato visual
Como dito anteriormente, o mentiroso não mantém contato visual enquanto conta sua mentira. Segundo estudiosos da área, o mentiroso consegue manter contato visual enquanto constrói a narrativa, mas desvia o olhar no ato da mentira. Portanto, essa é também uma característica a ser observada.

Não respondem objetivamente
Quando você questiona algo a um mentiroso, dificilmente ele vai responder de forma direta. Em geral, para encobrir a mentira, quando encurralado, ele acaba adotando uma postura mais esquiva, evitando se comprometer. É comum para o mentiroso responder uma pergunta com outra pergunta, por exemplo.

Narrativas inconstantes
O mentiroso costuma gostar de ser o centro das atenções e, muitas vezes, acaba contando histórias para cativar a atenção alheia. O problema é que essas histórias nunca aconteceram, ou aconteceram de forma diferente da qual eles narram. Por conta disso, dificilmente o mentiroso consegue sustenta-las. Em muitos casos, ao contar uma mesma história, acaba mudando detalhes e adicionando detalhes novos.

Nunca assumem suas responsabilidades
O mentiroso não gosta de assumir suas responsabilidades, especialmente quando são responsáveis por algo prejudicial. Em geral, procuram sempre jogar a “culpa” para cima dos outros, se esquivando de qualquer situação que possa exigir um posicionamento mais responsável vindo deles.

Transpiram e apresentam vermelhidão
A mentira sozinha não causa reações químicas, mas o medo de ser descoberto sim. O mentiroso acaba tendo reações químicas quando conta uma mentira, porque teme ser descoberto. Essas reações geralmente incluem transpiração excessiva e a vermelhidão no rosto.