Alagoas é o estado com mais votos nulos, São Paulo brancos

COMPARTILHE !!
Por: iG  Data: 31/10/2022 às 16:51
Imagem: AlagoasWeb/arq

Dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que o estado de São Paulo foi o que registrou o maior número de votos em branco no segundo turno das eleições 2022 . Segundo a Justiça Eleitoral, SP teve 526.677 votos brancos , o equivalente a 1,92% dos totais no estado. Depois, aparecem Rio Grande do Sul (1,76%) e o Distrito Federal (1,61%).

Já o estado que mais registrou votos nulos em relação ao território foi Alagoas, com 96.954, ou seja, 5,43% do total, seguido por Paraíba (5,22%) e Pernambuco (4,94%).

Em São Paulo , o atual mandatário, Jair Bolsonaro (PL), foi o candidato que obteve mais votos para a presidência, somando 14.216.587 (55,24%). O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), recebeu 11.519.882 (44,76%). O percentual de votos nulos no estado é de 4,08%.

Em Alagoas foi o contrário, já que o petista ficou à frente da disputa, com 976.831 (58,68%). O candidato do PL marcou 687.827 (41,32%) no estado. O total de eleitores que votaram em branco foi de 1,31%.

Ainda de acordo com os dados do TSE, a abstenção no segundo turno, de 20,58%, foi, pela primeira vez, menor que no primeiro turno, quando o registrado foi 20,95% . Além disso, o número de pessoas que não foi votar é o mais baixo desde 2006, com 32,2 milhões de pessoas.

Depois de 20 anos de sua primeira vitória, Lula venceu novamente o pleito e governará o Brasil pela terceira vez . Ele derrotou o presidente, Jair Bolsonaro e assumirá o Planalto a partir de janeiro de 2023.

Os números desta eleição são históricos. Lula alcançou a maior quantidade de votos para um presidente da República eleito desde a redemocratização do país, quando foram estabelecidas disputas eleitorais em dois turnos .

Segundo o TSE , o petista alcançou 60.345.999 votos (50,90%) e Bolsonaro (PL), 58.206.354 votos (49,10%).

Desde a 1989, esta é a nona eleição. Pela primeira vez, o presidente em exercício perdeu a disputa pela reeleição . Outro dado histórico é que, como apontou o iG , os líderes nas pesquisas sempre terminaram eleitos .

Até agora, o atual presidente derrotado nas urnas não se manifestou sobre o resultado do pleito e não cumprimentou Lula pela vitória . Há uma expectativa de que Bolsonaro se pronuncie nesta segunda-feira (31).