Alagoano em busca de parentes em MG, está há três dias em ponto de ônibus

COMPARTILHE
Por: Array / Patos Hoje  Data: 20/02/2019 às 17:15
Fonte de Imagem: Reprodução

Sem condições de voltar para casa, homem está morando debaixo de um ponto de ônibus

Pessoas que transitam pela avenida J.K em Patos de Minas entraram em contato com a redação do Patos Hoje na manhã desta quarta-feira (20) para relatar a situação precária em que está vivendo um homem de 59 anos. Sem condições de voltar para casa, ele está há três dias morando debaixo de um ponto de ônibus.

José Inácio disse que saiu de Alagoas em busca de parentes. Primeiro ele se perdeu da mãe, que voltou para a terra natal. Agora ele está em busca do filho que teria vindo trabalhar nesta região. Ele se chama José Damião Inácio da Silva e estaria trabalhando em uma fazenda, como operador de máquinas.

O problema é que o senhor José não tem o endereço e não sabe o que fazer para encontrar o filho e nem os outros parentes. Há três dias em Patos de Minas, ele já perdeu todos os pertences, disse que a mochila foi furtada. Documentos ele também não tem. Para dormir, o homem usa um papelão e um cobertor que recebeu em doação.

Moradores das imediações tem levado comida para o senhor José. Eles temem que, a continuar nessas condições, ele sofra um mal maior. O senhor José disse que quer ajuda para chegar à Bahia onde possui lugar para plantar e para passar o restante dos dias. O sargento Damião relatou  o caso para a Secretaria de Desenvolvimento. Ele disse que o senhor José corre risco de perder a vida se continuar morando debaixo do ponto de ônibus.