Alagoano é morto a tiros junto com homem acusado em quase 40 assassinatos no Piauí

'Matador de aluguel' e alagoano foram perseguidos e mortos com disparos de arma de fogo Dois homens foram assassinados a tiros durante uma perseguição, na segunda-feira (26), em Campo Grande do Piauí. Um dos mortos, identificado como Francisco Jairton Teixeira Martins, 37 anos, natural de Mombaça, no Ceará, era suspeito na morte de 39 pessoas. A outra vítima foi identificada como Joaquim de Araújo Santos, 52 anos, natural de Palmeira dos Índios, em Alagoas. De acordo com testemunhas, os criminosos estavam em um carro e perseguiam as vítimas, que estavam em outro veículo Em determinado momento, os bandidos atiraram nos pneus do carro onde as vítimas estavam, o condutor perdeu o controle e bateu o veículo no muro de uma residência. Vizinhos se aproximaram do carro para socorrer os ocupantes e os criminosos pediram que eles se afastassem. Neste momento, os bandidos efetuaram os disparos. "Eles foram mortos por disparos de arma de grosso calibre, 12 e 40", informou o Marcelo Leal, titular da Gerência de Polícia do Interior (GPI). Os criminosos fugiram em seguida e, até o momento, nenhum suspeito foi preso. O caso é investigado pela delegacia de Jaicós. Suspeito de matar 39 pessoas

COMPARTILHE
Por: Com G1  Data: 28/10/2020 às 10:30
Fonte de Imagem: Reprodução/TV

‘Matador de aluguel’ e alagoano foram perseguidos e mortos com disparos de arma de fogo

Dois homens foram assassinados a tiros durante uma perseguição, na segunda-feira (26), em Campo Grande do Piauí. Um dos mortos, identificado como Francisco Jairton Teixeira Martins, 37 anos, natural de Mombaça, no Ceará, era suspeito na morte de 39 pessoas. A outra vítima foi identificada como Joaquim de Araújo Santos, 52 anos, natural de Palmeira dos Índios, em Alagoas.

De acordo com testemunhas, os criminosos estavam em um carro e perseguiam as vítimas, que estavam em outro veículo

Em determinado momento, os bandidos atiraram nos pneus do carro onde as vítimas estavam, o condutor perdeu o controle e bateu o veículo no muro de uma residência.

Vizinhos se aproximaram do carro para socorrer os ocupantes e os criminosos pediram que eles se afastassem.

Neste momento, os bandidos efetuaram os disparos. “Eles foram mortos por disparos de arma de grosso calibre, 12 e 40”, informou o Marcelo Leal, titular da Gerência de Polícia do Interior (GPI).

Os criminosos fugiram em seguida e, até o momento, nenhum suspeito foi preso. O caso é investigado pela delegacia de Jaicós.

Suspeito de matar 39 pessoas

De acordo com o delegado Marcelo Leal, a suspeita inicial é que motivação para o crime tenha sido o envolvimento de pelo menos uma das vítimas em atividades criminosas. “O Francisco Jairton tinha uma vida pregressa no crime”, afirmou.

Francisco Jairton foi preso em 2013, no município de Uberaba, em Minas Gerais. Na época, ele era um dos assassinos mais procurados do Ceará, segundo a Polícia Federal (PF). O homem tinha diversos mandados de prisão em aberto e era suspeito de matar 39 pessoas.