Adolescentes que participaram da decapitação de jovem são detidos

COMPARTILHE
Por: Array / Com PC/AL  Data: 05/02/2019 às 06:00
Fonte de Imagem: Redes sociais

Delegado afirma que caso está solucionado e realiza diligências para prender demais envolvidos

A equipe do delegado Lucimério Campos, de Rio Largo, apreendeu na sexta-feira, dia 1º, dois adolescentes envolvidos na execução da jovem Mylca Siméia da Conceição, 18 anos, morta e decapitada, reveja: Cabeça de jovem é encontrada em cerca na zona rural de Rio Largo

De acordo com as investigações, o grupo é composto por oito pessoas, tendo o envolvimento de três adolescentes, de 17 anos e 15 anos, ambos participaram ativamente da execução do crime.

Em depoimento, o menor de 17 anos afirmou que é usuário de drogas e costumava comprar os entorpecentes com a vítima. Ele já possui passagem pela polícia, no ano de 2018, por porte ilegal de arma de fogo. O menor disse que a motivação para o crime teria sido um desentendimento entre Mylca e Walter Rodrigo, conhecido como “Boca”, 23 anos.

Segundo ele, “Boca” comprou uma quantidade de cocaína, realizou o pagamento da droga e Mylca entregou apenas a metade do combinado. Ao reclamar, a jovem teria ameaçado de matar “Boca”, caso ele voltasse a cobrar o restante da droga. O homem também está preso.

Na noite do crime, Mylca estava dormindo na casa de outro integrante do grupo e foi chamada para usar drogas nas proximidades de onde foi executada.

A Polícia Civil ouviu ainda o adolescente de 15 anos. Ele relatou que bebia com o grupo na noite do crime e que cada um recebeu uma faca, tipo peixeira, de cozinha ou facão, para cometer o assassinato. O menor detalhou que enquanto Mylca era puxada pelos cabelos, recebia diversos golpes e que a vítima não gritou por socorro.

A vitima foi atingida também por pedradas na altura do tórax e em seguida foi decapitada. A cabeça foi colocada em uma estaca, além de ter tido o coração arrancado logo após a execução.

Segundo o delegado, a PC já solucionou  o caso, identificou todos os participantes do crime e realiza diligências para localizar e prender os demais envolvidos.