24 de novembro de 2017

Blog do Erick

Erick Gomes

Bacharelando em Direito

WhatsApp: (82) 9 9924-3903

28/08/2017

Boca da Mata progride na segurança pública

Tratar de segurança pública é lidar com um dos assuntos que mais importam às pessoas. A sede por políticas públicas nessa área é tão grande que se apresenta, até, quem queria ocupar altos cargos da República apenas por propor aberrações que nada resolvem nossos velhos problemas. O recrudescimento abusivo de sanções penais é proposto como num contos de fadas em que basta muito pouco para resolver a confusão e ser feliz para todo o sempre. Simples demais (para não dizer que é ridículo).

Entretanto, é nesse mesmo contexto em que verificamos, em todo o País e, em se tratando de maus índices, em Alagoas de modo especial, que o maior erro é a ausência de condições mínimas. Falta-nos, em geral, contingente, integração das polícias, reconhecimento popular e governamental, emprego de tecnologias para otimizar e valorizar a atuação policial e, aliado a tudo isso, respeito ao Estado Democrático de Direito (não exceder os limites demarcados pelo nosso acordo social positivado na atual ordem jurídica).

Em Boca da Mata, por longos anos, faltou o mínimo que exemplifico nesse parágrafo anterior. Tínhamos pouquíssimos policiais, total falta de estrutura, ausência reconhecimento popular e governamental etc. Lembro-me bem de um capítulo em que uma vizinha, há anos atrás, tentou acionar a Polícia Militar e justificaram não poder atender a ocorrência por falta de combustível ou pela limitação de se estar com a viatura quebrada, coisas do tipo. Infelizmente, numa situação como essa, o problema não está na legislação, mas na execução das políticas de segurança. Antes de qualquer coisa, afinal, precisamos de profissionais aptos e toda a estrutura adequada; é óbvio. E o nosso maior problema, acreditem, estava nesse quesito.

No dia 03 de dezembro passado, a inauguração do 1º Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) trouxe à população a esperança de ter, no município interiorano de Boca da Mata, o mínimo que esperável da parte do Estado. O governador Renan Filho (PMDB) e o prefeito Gustavo Feijó (PMDB), que tanto lutou por essa conquista, obtiveram pontos positivos com os bocamatenses, pois a expectativas foram, para além de alcançadas, superadas nestes últimos meses. Prova disso são as exteriorizações de gratidão que o CISP recebe da população. Não são poucas as ocasiões em que os policiais são homenageados: eventos escolares, publicações e até como temática de aniversário infantil, conforme já veiculado neste próprio site.

Trata-se de uma das grandes conquistas da gestão de Feijó junto ao Governo do Estado e que propicia, dignamente, um nítido progresso na segurança pública. Dados recentemente divulgados também ratificam essas minhas afirmações.

Aos policiais, que recebam, não somente os meus, mas os agradecimentos de todos os bocamatenses pelos serviços tão bem prestados. Merecem, a cada dia mais, a devida valorização pela atuação cidadã que têm desempenhado.

Reconhecer esse avanço tem seu grau de importância. Por sua vez, que a administração municipal continue buscando novas conquistas para Boca da Mata, pois a carência continua sendo enorme, especialmente no que se refere a programas educacionais e socioeducativos para crianças, adolescentes e jovens em geral. Segurança pública, ainda que em progresso, jamais será suficiente para combater nossas profundas mazelas.

Assine e receba as últimas notícias do Alagoas Web